terça-feira, 14 de agosto de 2012

MADRE ISABEL GUERRA - ARTISTA ESPANHOLA



Isabel Guerra – A freira pintora espanhola
isabelguerramedianocm1
Referência da pintura espanhola contemporânea, madre Isabel Guerra é uma pintora hiperrealista, em cujos quadros o tratamento da luz tem especial significado. Alguns têm comparado sua obra com a do pintor holandês Vermeer. 

Autodidata, iniciou-se na pintura aos doze anos, e, aos 23, ingressou na vida monástica. Vive atualmente em clausura, no “Monastério de Santa Lucía” ,da Ordem Cisterciense, em Zaragoza, Espanha. Para ela,  “pintar e amar a Deus” se completam. O tema de seus quadros é, principalmente, a figura humana: jovens adolescentes -”porque asimilamos la esperanza a la juventud”, em atitudes de serenidade e repouso, mas também pinta naturezas mortas com grande maestria técnica. 

Autora também de livros, a cada três anos vai a Madrid expor seus trabalhos, que atrai enorme público. Acadêmica de honra da Real Academia de Belas Artes de San Luis e acadêmica correspondente da Real Academia de Belas Artes e Ciências Históricas de Toledo, Isabel começa sua jornada às cinco da manhã e, depois de quatro horas de oração, às nove e meia começa seu trabalho no ateliê de pintura. Este, é o único que diferencia sua vida das demais religiosas do mosteiro, já que estas se dedicam a restaurar livros antigos. A vida no convento serviu para um isolamento sereno das preocupações terrenas. 

Ela declara estar convencida que o mundo não deve perder as esperanças. Sua obra contém uma mensagem de resistência: “a beleza sendo possível, nem tudo está perdido…” 

 “Mis lienzos buscan ser carta abierta a los hombres y mujeres de este tiempo, cuyas tumultuosas aguas forman imponente cascada que cae sobre el cauce estremecido del tercer milenio… ¡Ojalá pudieran ser carta dictada por el Sol que nace de lo alto! Una carta claramente iluminada por la Luz”. (Isabel Guerra)
Isabel Guerra nasceu em Madrid em 1947, procede de uma família culta e abastada e, atualmente, vive em Zaragoza.
“No crean que la vida monástica le ha apartado de las preocupaciones terrenas: convencida de que este mundo no puede gustarle a nadie, su obra contiene un mensaje de esperanza: “La belleza es posible, no todo está perdido” (Rafael López Giménez )
PINTURAS
0soyunamaravilladetusma 2716563330_d593c9e66e
2716564364_ee4c75c726 2716564486_fbefde149b
ahumildesysencillossent alaaurorahededespertar1
apoyatalinocente1987leo asparaconnosotrossutern
dasugraciaaloshumildes1 dialogodeintimidad1985l
dondequieraqueestallest meditartusmaravillas198
entiencuentromidescanso entiestlafuenteviva1987
lafuerzadelsilenciozg5 guerra15
posible isabel guerra entufidelidadseapoyamie
guerra11 IsabelGuerra_lamiradainteriorbn6
guerra3 isabelguerra6[3]
unamiradaalinfinito1973 isag19
mantienesupazyu6 guerra8
enpazduermotestsconmigo sobrerastrojosueodeprim
enmipequezponesusojos19 conelcoraznenloesencial
dondesehallaesainaccesi descansatuesplendorsobr
2716563462_f5ed10f41c isabel guerra 1
guerra5 volversurostrpalaoracin
primeraluz1990 conlamayorternura1976le
13 isag12
1966_descendimiento de Cristo guerra7
contemplacin1975leosobr detuamorbrotarenelmundo
guerra9 guerra2
guerra10 images
micoraznvigila1989leoso pobreza1976
entimialegramqueentodas elamornopasanunca1989le
  1. O seu comentário está aguardando moderação.
    Amei conhecer aqui a Madre Isabel Guerra, uma artista privilegiada no poder realizar com maestria a arte de viver sua vocação de “pintar e amar a Deus”. Adorei saber que ela nasceu no mesmo ano que eu igualmente faço da pintura o caminho.Ela,dócil, na harmonia do convento ,obediente segue e retrata com fidelidade a excelência acadêmica do pintor holandês Vermeer, enquanto pra mim sobrou na rebeldia indomável procurar-me no caos dos ” ismos” interior e cotidiano,audazmente empunhando pincéis e espátula corroída de tanta sofreguidão nas telas gigantes,gritantes do viver rente a loucura. Duas mulheres, gêmeas opostas entoando canto e gritos na arte que ninguém mais quer.
http://1.bp.blogspot.com/-7vFHbcMqezY/T7kmDXHgnEI/AAAAAAAABao/jJJBqcyxx-0/s1600/@raminhoPicasso..bmp
Pablo Picasso

Li-30. 離 - Sol
 Fonte:
http://michelechristine.wordpress.com/pinturas/isabel-guerra-madre/#comment-2280
 

Nenhum comentário: